top of page

Resumo Semanal, Mercado Internacional

Os mercados petrolíferos continuam a comportar-se num estado de entorpecimento, com total desrespeito por parte da comunidade financeira aos contratos futuros relacionados com o petróleo, uma vez que as altas taxas de juro nos mercados secundários continuam a ser o seu destino preferencial de investimento, deixando os mercados petrolíferos sem a típica especulação financeira nesta época do ano.

O contexto global geral de uma recuperação relativamente lenta da demanda por petróleo, nervosismo econômico e alta inflação criou um caso em que grandes participantes típicos em negociações especulativas de compra e venda nos mercados de petróleo evitaram investimentos em commodities, para se concentrar no Carry Trade (o que significa aproveitar as altas taxas de juros oferecidas pelos bancos centrais de todo o mundo, que rendem retornos superiores a 12%).

Nesse contexto, os EUA iniciam sua temporada de férias, que promete ser a mais movimentada desde antes da pandemia, já que a demanda reprimida e os preços da gasolina abaixo do esperado incentivarão os consumidores médios a sair de férias neste verão. No entanto, será após cerca de 10 dias ou mais, quando a Energy Information Administration começar a fornecer dados do fim de semana do Memorial Day, informações que os participantes do mercado podem digerir e, em seguida, se inclinar a comprar contratos de gasolina, se a demanda por gasolina for maior que o esperado e acabar reduzindo significativamente os estoques, o que pode criar um equilíbrio mais estreito entre oferta e demanda.

Por enquanto, devido à fraqueza dos preços do petróleo, os preços da gasolina no mercado doméstico dos EUA e para exportação têm estado baixos e devem continuar pairando nos mesmos níveis por alguns dias, antes de uma possível alta.

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page